quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Ah, a amizade



Tem gente por ai que diz que os melhores amigos são os amigos de escola. Para mim, sentimentos e relações não são mensuráveis. Não existe melhor amigo, maior amor e coisas do tipo. Cada amizade é única, porque com cada amigo se vivem experiências e momentos diferentes. Mas as amizades de colégio são tão importantes porque normalmente são as primeiras.


É no colégio que a gente aprende a fazer amigos, porque, afinal, é tanto tempo de convivência diária, em uma idade em que todo mundo está vivendo tanta coisa, descobrindo a vida, que só tendo um coração de pedra para não criar laços. E o que se vive junto naquele período, ficará marcado para sempre. É a história de cada um, triste é quem tem vergonha da sua.


Mas legal mesmo é quando estas amizades permanecem depois. Quando apesar da chegada da vida adulta, com suas novidades e dificuldades, damos um jeito de contornar e a amizade continuar firme. É muito bom acompanhar a evolução daquelas pessoas que você conheceu tão novas! Ver todo mundo crescendo, trabalhando, se formando, formando suas famílias. E saber que, aconteça o eu acontecer, você vai ter com quem contar, seja para as boas ou más notícias, para rir ou para chorar. Saber que são pessoas com quem você pode compartilhar suas alegrias, vitórias, derrotas, medos e frustrações, porque elas te conhecem desde aquela época que você nem sabia quem era e nem ligava para isso, porque o importante era aproveitar!


Entre as minhas amigas do colégio, quase todas já se formaram, uma já faz mestrado, outra depois de muita luta entrou na faculdade ano passado, uma já teve [um lindo] bebê, outras já pensam em casamento e, nesse fim de semana, uma se casou. Casou mesmo, linda, com direito a cerimônia e festa. Sem frescura, tudo perfeito e bem a cara dos noivos. É muito legal participar destes momentos. É diferente ir a um casamento de uma pessoa com quem você cresceu junto, tem amizade há anos e anos.


E lógico eu naquele tempo ali, todas reunidas em uma mesa, começou aquele papo: lembra daquela vez que aconteceu aquilo? E aquele dia que a gente fez isso? São tantas histórias de conversas, colas e ideias malucas... Porque a gente pode crescer e envelhecer, mas as nossas "raízes" são aquelas meninas que se conheceram há quase dez anos atrás. E para crescer nós precisamos de raízes.

5 comentários:

Juliana Dias disse...

Sim!!! Precisamos de raízes amiga. Vc faz parte e fará do que sou, do que serei! Amo!

Ana Cristina Dias disse...

nossa que lindo

Monique Premazzi disse...

Eu não acho que amizade de colegio sejam tão importantes assim, na verdade algumas são. Tenho uma amiga que depois de tanto tempo que estudamos juntas ainda nos falamos, acho que são poucas as que realmente se importam e que vale a pena procurar depois. Fato que sentimos saudades daquela epoca que estava sentado todos numa mesa conversando sobre o futuro, hoje. Acho que vou lembrar falta disso quando acabar o ensino médio, talvez essa seja a melhor epoca do colégio para todos.

Amei o texto.
Linda homenagem *-*
Beijinhos :*

Liège disse...

Que lindo texto sobre a amizade!
E como é bom relembrar velhos tempos...
Beijos.

Silvana disse...

Amo vc Pérola Corrêa. E sempre irei amar. Estamos lindas na foto. Seu texto é ótimo, e vou parar de gayzisse. rs